Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Bergmam

Certa vez, Ingmar Bergmam escreveu:
"...senti a possibilidade de regressar a minha infância. Claro que isso é uma mentira inocente. A verdade pura e nua é que vivo continuamente na minha infância... Desloco-me a uma velocidade incrível, pois no fundo vivo permanentemente em MEU SONHO e faços VISITAS À REALIDADE."

não importa que o espelho esteja partido, mas sim o que refletem os pedaços quebrados...

por hoje é só.

Nenhum comentário:

Postar um comentário